O Que É Nutrição Funcional

A nutrição funcional busca equilibrar o organismo através da alimentação para evitar, reverter e até curar doenças.

Artigo publicado por Camila Flor nas categorias: Nutrição

Cada ser humano possui as suas particularidades, não apenas físicas como psicológicas, fisiológicas e bioquímicas. Então, por que a medicina tradicional trata de todos como se fossem iguais? Desse modo, surgiu a nutrição funcional, que tem como objetivo principal PREVENIR o aparecimento de doenças e distúrbios e, em segundo plano, a reversão de alguns deles através da alimentação adequada para cada indivíduo. O melhor de tudo é que é um método completamente natural e que pode trazer mais vitalidade e saúde para a sua vida. Sendo assim, conheça melhor a nutrição funcional para adotá-la no seu dia a dia.

o-que-e-nutricao-funcional

Como Funciona a Nutrição Funcional

Nem somente da investigação alimentar se faz a nutrição funcional. A influência do meio ambiente em que a pessoa vive também é importante, pois ele é capaz de mudar a sua personalidade, o seu humor e a sua mentalidade, o que pode afetar a bioquímica do organismo e gerar doenças. Desse modo, os nutrólogos funcionais trabalham para descobrirem no conjunto dos fatores alimentares e ambientais as causas de distúrbios e doenças. Com isso, é possível tratá-los de forma personalizada através de mudanças no cardápio.

Esse tratamento surgiu a partir do estudo do genoma, ou código genético individual responsável por determinar as características físicas, biológicas e químicas de cada ser vivo. Disso surgiu a área do Genoma Nutricional, que tem como foco compreender as interações entre as diversas dietas e o genoma humano na doença e na saúde. Assim, é preciso combinar diferentes alimentos com os processos bioquímicos de cada pessoa para equilibrar o seu ecossistema interno.

Principais Distúrbios Nutricionais

Existem vários distúrbios nutricionais que podem ser curados, revertidos ou amenizados com a nutrição funcional, contanto que seja utilizada como coadjuvante de tratamentos tradicionais. Os mais conhecidos são a ansiedade, a compulsividade alimentar, a obesidade, as disfunções dos hormônios, as altas taxas de gordura sanguínea, as dificuldades de aprendizagem, as alterações no sono, o diabetes, a depressão, a falta de concentração e de memória, as mudanças de humor, o câncer, a artrite, o Parkinson e o Alzheimer.

 O-Que-É-Nutrição-Funcional1

O Foco Principal é a Prevenção

A melhor maneira de se ter saúde é prevenir o aparecimento das doenças e esse é o maior objetivo da nutrição funcional, que prima pelo aumento da qualidade de vida e da vitalidade de seus pacientes. Para ela, o conceito de saúde não é somente a ausência da doença, e sim, o aumento da vitalidade.

Nutrição Funcional Emagrece?

Já percebeu que uma dieta que funcionou para uma pessoa não funciona para outra, mesmo que elas tenham feito tudo igualzinho? Também há gente que ingere certo tipo de remédio e emagrece enquanto outra não. Isso acontece devido ao explanado acima, ou seja, às particularidades de cada organismo.

E é nesse ponto que a nutrição funcional age: com os alimentos certos para eliminar as toxinas do seu corpo, fará com que ele perca gordura. Porém, você terá que fazer a sua parte, além de seguir o cardápio da dieta: atividades físicas sempre acompanham um corpo perfeito. Também há as toxinas espalhadas no ambiente, que deixam o organismo mais predisposto à obesidade. Então, a melhor forma de eliminá-las é através de uma alimentação de qualidade e da quantidade certa de cada tipo alimentar.

Vida Mais Longa e Com Qualidade

Todos esperamos viver bastante e com qualidade, não é mesmo? Por isso, é preciso adotar medidas preventivas para não adoecermos: boa alimentação, exercícios físicos regulares e hábitos saudáveis. Ou seja, tudo o que você certamente já sabe, certo? E a nutrição funcional está aí para te ajudar a cuidar da sua saúde e da sua mente para que a sua vida tenha menos problemas e mais vitalidade.

O Que São Alimentos Funcionais?

Conforme definição da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), os alimentos funcionais são aqueles que possuem efeitos benéficos à saúde além de suas funções básicas. Se você pretende incluí-los em sua dieta, veja quais são os principais abaixo, mas somente com ajuda de um nutricionista funcional você saberá quais são as quantidades exatas para o seu organismo.

  • Carnes brancas: peixes e frangos, de preferência, cozidos ou assados e sem gordura.
  • Todos os legumes, frutas e folhas;
  • Farinhas e arroz integrais;
  • Chia, aveia e amêndoa;
  • Açúcar demerara e mascavo;
  • Carboidratos da batata doce, do inhame, da mandioca salsa e do aipim.
  • Óleos de coco, da manteiga Ghee e do azeite de oliva;
  • Se sentir vontade por doces, prefira o chocolate com 70% de cacau e as geléias naturais.

Alimentos Maléficos ao Organismo

Alguns alimentos são super saborosos, porém, se ingeridos em excesso, podem causar distúrbios e doenças:

  • Alimentos com lactose;
  • Alimentos com glúten;
  • Alimentos industrializados;
  • Alimentos com açúcar refinado.

Para tirar mais dúvidas, assista:

Camila Flor

Autora

Camila Flor cozinha com a sua avó no sítio desde os 5 anos e hoje participa no desenvolvimento de hortas urbanas orgânicas e na popularização da culinária funcional.



Comente!




*Campos obrigatórios